Back

Vendendo um aplicativo pela primeira vez?

Escrito por Quarta-feira 13 Abril 2016

Vendendo um aplicativo pela primeira vez?
Monetização de aplicativos é um tema em alta e que todo mundo quer aprender ainda mais, e nós cobrimos o básico sobre como fazer isso através de publicidade e vendendo seus apps nas lojas. No entanto, há um outro conceito importantíssimo, possivelmente, o mais rentável, que grande parte das pessoas não leva em conta. Você já considerou ser um "criador de apps" sob demanda, fazendo aplicativos para alguém que não tenha tempo ou vontade, cobrando pelos seus serviços e pelo produto final?

Enquanto muitas agências web estão vendo o grande valor em adicionar aplicativos no seu portfólio de serviços, não deixe que a idéia de ter que ser uma agência inteira assuste você, porque este não é um pré-requisito. Freelancers, tanto amadores ou profissionais, estão aproveitando esta grande demanda que precisa ser atendida, visando em pequenas empresas cujos lucros e estratégias de marketing podem se tornar muito maior, apenas com a adição de um aplicativo.

Como abordar a venda deste tipo de produto?

Primeiro é importante se familiarizar com as opções do que você pode oferecer. Se você está trabalhando com um construtor de apps (diferente de codificar a partir do zero), entender quais são as suas características mais fortes e para qual tipo de negócio podem servir melhor. Isso ajudará você a compreender e delimitar quem são seus clientes-alvo (pelo menos no início) e se concentrar em um setor de cada vez, ao contrário de com tudo e promover os seus serviços para organizações que você ainda não está preparado para atender entregar o tipo de produto que esperam.
  
Outra vantagem de trabalhar com clientes similares é que você será capaz de utilizar a mesma estrutura de base em diferentes projetos, com apenas alguns ajustes para cada uma, tendo mais tempo para focar nas especificações que o seu cliente deseja.

Uma vez que você saiba quem é seu cliente ideal, prepare alguns aplicativos de exemplo que demonstrem exatamente o valor que você pode trazer para o negócio, e comece com a prospecção. Se você estiver disposto a investir algum tempo extra na aquisição de clientes, você pode até mesmo oferecer a criação do app antes mesmo da compra efetivo do produto, proporcionando um período de teste gratuito para que eles tenham uma ideia do potencial dos resultados que poderão obter. Uma vez que eles vejam o que estão perdendo, eles nunca mais vão querer voltar para os dias  sem app.

O quão transparente você deve ser?

Muitas agências e profissionais que usam construtores de apps para criar aplicativos para clientes tendem a se prender a funcionalidade da marca branca como uma segurança para sua imagem, pois pensam que revelar esta "característica" pode indicar uma falta de conhecimento, profissionalismo, e até poderia expor um concorrente direto. Enquanto não há absolutamente nada de errado com esconder o uso de um construtor de apps, em algumas situações, isto pode trabalhar em seu favor quando você é totalmente sincero, reconhecendo o fato de que você está utilizando um sistema e tecnologia robusta e confiável.

Ser aberto sobre o uso de um construtor de apps também pode fornecer para uma estratégia de saída conveniente, no caso que você não querer mais trabalhar com algum cliente. Você sempre pode transferir o aplicativo com as configurações que você criou para eles, e eles tomam conta da manutenção do app.
Se você está preocupado que seus clientes vão sentir que estão pagando por um trabalho já feito, lembre que eles estão pagando por uma tecnologia bem estabelecida, bem como o tempo e criatividade que você está investindo, personalizando, aperfeiçoando e mantendo o app sempre atualizado, este é um dos principais benefícios para alguém que esteja procurando um produto e serviço de qualidade.

GoodBarber oferece uma solução de marca branca, então você está livre para escolher a opção que mais se adeque as suas necessidades.
 

Guia-das-agencias-reseller



Enter your email address